Filme de cineasta lafaietense é exibido e selecionado em festival americano

56

Esta semana foi uma data especial para o cinema brasileiro, em especial para a cultura lafaietense. O promissor e talentoso cineasta lafaietense, Rodrigo Meireles, participou com o curta metragem “Anderson” do 44º Telluride Film Festival, no Colorado (EUA).

O filme foi selecionado por Barry Jenkins (diretor de “Moonlight” – ganhador do último Oscar de melhor filme). Segundo Meireles a experiência foi “fantástica” com duas exibições. “A resposta do público não poderia ter sido melhor”, disse.

Para coroar a viagem de Meireles ao EUA, Alexander Payne, um dos cineastas favoritos de Meireles, (diretor de “Sideways”, “As confissões de Schmidt”, “Os descendentes”, “Nebraska”) pagou um café e cedeu um pouco do seu tempo para conversar o lafaietense. “Conversei com ele sobre o meu próximo projeto”, disse Meireles. “Vocês não tem ideia do significado disso pra mim. Muito obrigado a todos envolvidos no filme e a todos que dividiram comigo essa experiência. Foi um aprendizado imensurável Gratidão é a palavra”, relatou emocionado. O filme está inscrito em outras mostras e festivais na Europa.

O cineasta lafaietense Rodrigo Meireles fala em festival nos Estados Unidos durante exibição do filme “Anderson”/Reprodução

Histórico

Atores que participaram dos filmes de Rodrigo Meireles,entre os quais Anderson e Michael Jackson/Arquivo

A primeira exibição pública do curta “Anderson” ocorreu durante o Festival de Inverno de Lafaiete, em julho. O protagonista Anderson é uma figura folclórica na cidade. O filme narra sua vida, tendo com centro sua paixão pelo Atlético Mineiro. Algumas cenas foram gravadas em um jogo no Estádio Independência. Um dos momentos marcantes do filme é o encontro de Anderson com a “ex musa do galo”, a lafaietense Mirian Barreto. À época, Anderson e os atores estavam presentes na exibição do filme.

Rodrigo Meireles é também diretor do curta “João Batista”, rodado em Lafaiete. Com duração de 23 minutos o enredo retrata a vida diária do artista João Batista na sua lida como operador de máquina e capinador de hortas e nas horas de folga incorpora o astro pop Michael Jackson. O curta foi premiado em 5 festivais no Brasil e em outros países. “Este mundo destes personagens populares e folclóricos me encanta”, contou Rodrigo Meireles a nossa reportagem.

Leia mais:

Talentos lafaietenses: Semana do Cinema lança o curta “Anderson” e produção de lafaietense é exibida arrancando aplausos