Ação de suposto estuprador movimenta Congonhas; PM confirma que o suspeito tem passagem por crimes sexuais

37

A ação criminosa de um suposto estuprador que vem agredindo diversas mulheres mobiliza os moradores da “Cidade dos Profetas”.

Nas redes sociais, a polêmica viralizou com nomes das vítimas e até fotos do autor circulando pelos grupos na internet e em aplicativos cobrando uma ação da Polícia Militar.

Ainda hoje pela manhã, nossa reportagem iniciou a investigação dos supostos crimes de estupro. Com a notícias fervendo as redes sociais, a mãe do suposto autor divulgou uma mensagem afirmando que ele teria problemas mentais e precisaria de uma internação psiquiátrica. Ela pediu que caso o vir pela cidade seria para acionar a PM.

Em nota a nossa redação, Comandante da 73ª Cia PM, o Major Juliano Brandão de Almeida, informou “que até o presente momento não sabemos das condições psicológicas do suspeito indagado. As notícias divulgadas nas redes sociais não foram informadas pela Polícia Militar. O suspeito tem passagens por crimes sexuais, contudo o fato ocorrido ainda está sendo apurado uma vez que o suspeito não foi preso”.