Vereadores cobram informações sobre funerárias e rotativo

A reunião da Câmara na noite de terça-feira, dia 26, foi marcada pela apresentação de requerimentos pedindo ajuste e mais transparência em relação a alguns serviços.

Vereadores cobram informações sobre funerárias e rotativo/CORREIO DE MINAS

A primeira solicitação foi apresentada pelo vereador Pedro Américo (PT). Ele cobrou diversas informações em relação às ações que deveriam ter sido realizadas pelo Consórcio Público Intermunicipal de Tratamento de Resíduos Sólidos (Ecotres). O questionamento do petista levou a um impasse, já que, na mesma reunião, seria votado um projeto prevendo o terceiro termo aditivo ao contrato do consórcio.

Serviço funerário

Em outro requerimento, o petista solicitou cópia dos contratos de concessão dos serviços funerários. “A intenção é verificar se estão cumprindo a lei nº 4.618, que concede o direito a indigentes e carentes de terem o serviço funerário gratuito em Lafaiete”, afirmou. João Paulo (DEM) explicou que cada mês, uma empresa funerária fica de plantão e a legislação determina que uma cópia da lei sobre a gratuidade seja afixada em locais públicos.

Rotativo

O vereador Alan Teixeira (PHS) cobrou informações sobre o serviço de estacionamento rotativo. Ele questionou a falta de pintura e de vagas para idosos, além de questionar a forma como tem sido gasto o dinheiro oriundo do sistema. Sandro José (PSDB) reforçou que algumas faixas foram pintadas a menos de cinco metros da esquina e que, em muitas, há dificuldade em ver a numeração.

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *