Secretário prevê que pagamento de insalubridade começará em fevereiro

O secretário municipal de Administração João Batista/DIVULGAÇÃO

O pagamento de adicional de insalubridade para os servidores que tiverem direito ao beneficio deve começar em fevereiro de 2020. A estimativa é do secretário municipal de Administração, João Batista. Ele compareceu em uma sessão extraordinária na noite desta Quinta-feira (26). Batista foi cobrado em relação ao não pagamento do adicional de insalubridade e periculosidade dos servidores públicos municipais. A pendência já atravessou diversas gestões.

A resposta foi dirigida ao vereador Pedro Américo (PT), autor do pedido para que o secretário comparecesse à Casa. De acordo com João Batista, o pagamento não foi realizado anteriormente em razão das dificuldades de caixa, sobretudo após o Estado reter valores que deveriam cair nos cofres municipais. “Esses repasses estão sendo normalizados e, conforme o prefeito Mario Marcus, a intenção é iniciar o pagamento desse benefício, que é direito de muitos servidores, a partir de fevereiro”, informou.
João Batista informou que a administração atual já buscava resolver esse imbróglio a partir do novo laudo e equalização das contas. Segundo o secretário, o município vem se sacrificando para honrar a folha de pagamento e, pelo estudo, o benefício representará um impacto de R$ 200 mil. Em relação à quitação dos valores retroativos, João Batista esclareceu que ainda haverá um estudo nesse sentido.

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *