“Não desisto nunca e tenho fé que vamos encontrar o Odilon”, desabafa esposa de ambientalista desaparecido

“Rezo muito e confio em Deus plenamente que vamos encontrar o Odilon. Ele é uma bondosa e tem alguém cuidando dele. Eu não desisto nunca que vamos tê-lo de volta muito breve.” Este foi o relato em tom de desabafo de Selma Lúcia, esposa do ambientalista e psicólogo José Odilon Rodrigues, de 68 anos, desaparecido há exatamente 25 dias.

Ele foi visto pela última vez na tarde do dia 7, perto da BR 040, no Bairro São Dimas em Lafaiete. Desde então amigos e familiares se debruçam na missão de procurar e encontrar o Odilon. “Estamos sofrendo muito, eu e meus 3 filhos. Mas Deus há de nos mostrar o caminho onde ele está. Quando ele voltar vamos fazer uma grande festa”, contou Selma, se referindo a parábola bíblica do Filho Pródigo.

Em meio a dor, a aflição e a ansiedade que tomam conta de amigos e familiares de José Odilon Rodrigues, a fé alimenta a chama da esperança. Mais de 50 cidades da região, inclusive Belo Horizonte onde Odilon morou, familiares e amigos fizeram uma completa varredura e espalharam folhetos, cartazes e outdoors. Postos de saúde de toda a região foram avisados de seu sumiço.

A família busca forças para superar o drama. Mas as buscas prosseguem na esperança de encontrar José Odilon cujo desparecimento mobiliza e emociona a comunidade.  O ambientalista e psicólogo é uma pessoa muito admirada em Lafaiete e região. “”Não perco a esperança nunca”, assinalou a esposa Selma que desde que aposentou, devotou sua vida a cuidar do Odilon que sofre de mal de alzheimer.

  • Informações: 9-9970-3632 (Léo) ou 99682-5647 (Selma)

Leia também:

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *