Moradores se mobilizaram para barrar APAC e exigem melhorias na MG 126 diante de acidentes

 

Acontece amanhã, por volta das 19:30 horas, uma reunião onde os moradores do Bairro Rancho Novo vão debater e protestar contra a construção da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (APAC) de Ouro Branco. O terreno onde será erguida a obra doada pela Gerdau e situa-se na divisa de Lafaiete e Ouro Branco. Parte da futura sede encontra-se dentro do Município de Lafaiete.

Moradores querem discutir construção da APAC mas temem pela segurança

Porém a proximidade com a comunidade do Rancho Novo e com diversos sitiantes trouxe a tona a preocupação com a violência e a circulação de pessoas condenadas pela Justiça. “Não Queremos esta obra perto de nossos terrenos. Que ele construam em outro lugar”, desabafou a artista plástica, Cidinha Dutra que possui um sítio próxima a APAC. Ele teme pela segurança.

Municípios

A polêmica já chegou a atual administração e segundo o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Rafael Lana, os prefeitos estão em tratativa sobre a construção da APAC.Segundo ele, o local escolhido está dentro dos trajetos de dois caminhos turísticos e religiosos, a saber o CRER ( Caminhos Religiosos da Estrada Real) e os Caminhos de Sãotiago.

Rafael adiantou que levará o assunto para se discutido dentro da próxima reunião dos prefeitos que compõem os Caminhos de São Tiago que ocorre na semana que vem, inclusive Lafaiete e Ouro Branco integram este projeto.

Acidentes

Há menos de uma semana um jovem perdeu a vida no trevo do Rancho Novo

Entre outro assunto que será debatido na reunião será o grande número de acidentes na MG 129. Os moradores cobram instalação de redutores de velocidade, pinturas de faixas e sinalização no trevo do Rancho Novo.

Estão previstos para participar da reunião lideranças como Wiladerlan Alves de Souza, Presidente da Famocol; Crispim Ribeiro (Sorear), Flávio Oliveira (DEER), Major Marco Antônio (APAC) dentre outras.

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *