Lafaiete: agentes de saúde passam a receber R$1.250,00

O Prefeito Mário Marcus (DEM) sancionou esta semana o projeto que fixou o novo piso salarial dos agentes comunitários de saúde (ACS) e os agentes de combate às endemias (ACE). A nova lei adequa a situação de Lafaiete a legislação nacional aprovada o final do ano passado pelo Congresso.

Agentes agora aguardam o pagamento do piso retroativo a janeiro

Assim, a remuneração passou para R$ 1.250 a partir de 2019; de R$ 1.400 em 2020; e de R$ 1.550 em 2021. A partir de 2022, o piso será reajustado anualmente em percentual definido na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

A lei assegura que o piso passa a valer imediatamente a sanção retroagindo ao mês de janeiro quando os agentes receberão os valores em parcela única.

A jornada de trabalho de 40 horas semanais exigida para garantia do piso salarial será integralmente dedicada às ações e serviços de promoção da saúde, de vigilância epidemiológica e ambiental e de combate a endemias em prol das famílias e das comunidades assistidas. A lei também assegura aos agentes participação nas atividades de planejamento e avaliação de ações, de detalhamento das atividades, de registro de dados e de reuniões de equipe.

 

Leia também;

– Conquista e direito: agentes de saúde de Lafaiete passam a ganhar piso nacional de R$1,250,00

 

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *