Inadimplência: mutirão da Cemig vai deixar lafaietenses sem energia

A Cemig  está realizando uma nova etapa de mutirões de cortes por inadimplência em diversas regiões mineiras, com o intuito de coibir os atrasos no pagamento das faturas de energia e recuperar R$ 400 milhões em receita. Nesta etapa, as ações irão se concentrar em Conselheiro Lafaiete de 29/07 a 02/08/2019 .

De acordo com o superintendente de Gestão da Receita da Distribuição, Hélton Diniz Ferreira, o corte é feito quando o cliente possui débitos com a companhia. “Após 15 dias de atraso no pagamento da fatura, a ordem de corte do fornecimento já é emitida. A regulação impõe que seja feito o aviso prévio ao corte, que geralmente chega na própria fatura de energia”, afirma.  

Com o objetivo de reduzir a taxa de inadimplência, a Cemig está ampliando os canais de negociação e facilitando o pagamento das faturas em atraso. Atualmente, a empresa possui cerca de 5% de consumidores com alguma pendência financeira, um aumento de quase 50% se comparado a 2015. Para reduzir esse percentual, a empresa vai permitir um parcelamento de até 24 vezes com uma entrada média de 15% do valor devido.

Novos canais

Já está disponível para os clientes com débitos junto à companhia o parcelamento por meio do Cemig Atende no site da companhia , disponível em www.cemig.com.br . Anteriormente, as negociações só podiam ser feitas em uma das agências de atendimento presencial ou Postos Cemig Fácil.  Também está disponível o número telefônico 0800 721 7003, exclusivo para negociação de débitos, disponível de 09h às 21h, de segunda a sexta-feira, e de 09h às 15h aos sábados.

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *