Gildo Dutra vai deixar o PV e critica estratégica de coligação

Usando ontem, dia 8, a tribuna da Câmara, o vereador Gildo Dutra avisou que deixará o PV, sigla pela qual está filiado há mais de 10 anos. “Estou deixando o PV pelo qual militei por mais de uma década, mas vou cumprir meu compromisso até o dia 31 de dezembro”, expôs.

Logo em seguida comentou que sua coligação (PV e PSC) não obteve o coeficiente eleitoral necessário a eleger sequer um vereador no pleito de 2 de outubro. “Isso me deixou chateado. Mas agradeço a todos os simpatizantes e filiados. Agora vamos tomar nosso caminho”, sinalizou para uma nova investida eleitoral em 2010 quando voltaria a disputar novamente uma cadeira na Casa.

Indiretamente o que forçou a saída de Gildo Dutra do PV foram as estratégias de alianças adotadas nas eleições nas quais a coligação ficou de fora do mapa político.

Mas Gildo recebeu apoio e convite já para integrar dois grupos. ‘Se você cair mais para o campo da esquerda quem sabe vamos estar do mesmo lado”, frisou Toninho do PT, assinalando que vai recolher por seis meses após o fim do mandato. “Apesar das novas divergências, de coração, você recebeu meu convite para integrar as fileiras do PEN ou PMN. Com a mesma razão a nossa coligação também não elegemos nenhum vereador. Caso nossos partidos estivessem juntos poderíamos até ter feito2 vereadores”, pontuou Zezé do Salão (PMN).

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *