Com custo de R$25 milhões, ETE Ventura Luiz atende 60 mil lafaietenses

Com custo de R$25 milhões, ETE Ventura Luiz atende 60 mil lafaietenses/Arquivo

Conforme comunicado aos moradores da região atendida pela Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Ventura Luiz, em Conselheiro Lafaiete, nos meses de outubro a dezembro de 2018, a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) iniciou, em janeiro de 2019, a cobrança dos serviços de tratamento de esgoto. O novo serviço representa um acréscimo de 41,82% em relação à conta total de água e esgoto. Assim, o valor total da cobrança referente ao serviço de esgoto na fatura (coleta e tratamento) passa a ser de 95% do valor pago pelo consumo de água.

É importante salientar que não há alteração para os moradores que já têm coleta e tratamento de esgoto realizados pela ETE Bananeiras, também em Conselheiro Lafaiete. A tarifação para esses clientes já vem sendo aplicada desde que a ETE entrou em funcionamento. Os moradores que não têm imóvel conectado à rede coletora não são tarifados.

Presente em Conselheiro Lafaiete desde 1980, a Copasa é a empresa responsável pelo tratamento e distribuição de água, bem como pela coleta e tratamento de esgoto do município. O sistema de abastecimento de água é composto por duas Estações de Tratamento (ETA) – Bananeiras e Almeidas. O sistema de esgotamento sanitário conta com a ETE de Bananeiras e com a ETE Ventura Luiz.

Entregue ao município no segundo semestre de 2018 e com um investimento da ordem de R$ 25 milhões, a ETE Ventura Luiz opera com capacidade de 6 milhões de litros por dia e atende cerca de 60 mil lafaietenses localizados na região do Ribeirão Ventura Luiz.

 A importância do tratamento do esgoto

O tratamento do esgoto é fundamental para a diminuição da proliferação de doenças de veiculação hídrica – transmitidas por meio do contato direto com a água contaminada ou por animais e insetos infectados –, como a esquistossomose, a leptospirose e a cólera. Isso representa um ganho expressivo em saúde pública para a população, pois diminui os custos com medicações, tratamentos médicos e hospitalares. Além de contribuir para a diminuição da degradação ambiental em Conselheiro Lafaiete, a ETE Ventura Luiz também ajuda a proteger a fauna e a flora, revitalizando a bacia do Ribeirão Ventura Luiz. Outro ponto positivo proporcionado pela operação da ETE é a melhoria na infraestrutura da cidade, que poderá atrair novos investimentos, proporcionando maior geração de emprego e renda para a comunidade.

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *