Caminhada dos Tropeiros vai reviver caminho histórico

O Caminho dos Tropeiros era, no século XVII, a rota utilizada pelas tropas brasileiras para cruzar o país, promovendo o comércio entre pontos distantes do território nacional. Em Minas Gerais, o antigo acesso que os tropeiros usavam entre Piranga e Ouro Preto servia principalmente para levar mantimentos. É para conhecer e divulgar as belezas e perigos do caminho, que será realizada a Segunda Caminhada dos Tropeiros.

Caminhada vai passar por Bacalhau, Santo Antônio do Pirapetinga, Bordões, Coelho, Santo Antônio do Salto, Lavras Novas e chegará em Ouro Preto/GOOGLEMAPS

A caminhada saiu de Piranga no dia 7 de setembro, às 6 horas da manhã, da praça Coronel Amantino Maciel passando por Bacalhau, Santo Antônio do Pirapetinga, Bordões, Coelho e Santo Antônio do Salto. O pernoite será ou em Santo Antônio do Salto, ou em Lavras Novas, e serão percorridos aproximadamente 40 quilômetros no primeiro dia. No segundo dia, está planejada a chegada em Ouro Preto, passando pelo parque do Itacolomi, saindo em Saramenha, e indo até a praça Tiradentes. A previsão de chegada é às 16 horas do dia 8 de setembro.

Sobre a caminhada, Cláudio Quirino, um dos idealizadores, contou que “a ideia começou há muitos anos e buscava resgatar o caminho feito pelos tropeiros, sentindo na pele hoje, o que eles passaram anos atrás. O traçado é de alto grau de dificuldade, porém, recompensado por um visual deslumbrante, além da estrutura que organizamos, com carro de apoio e lugares para descanso”.

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *