Berço da formação do povo mineiro, Itaverava hoje completa 325 anos

A simpática e acolhedora Itaverava comemora hoje 324 anos de fundação e 55 anos de emancipação política. Ciclo do Ouro, Bandeiras, Estrada Real emolduram a cultura itaveravense, terra de notáveis homens e mulheres como Marília de Dirceu, Mestre Ataíde que deixaram registrados seus nomes na história de Minas. Itaverava respira cultura e seus casarões e sua arquitetura são os retratos vivos da memória do Brasil. Itaverava é berco de Minas.

Rodeada por belíssimas montanhas, a cidade possui muitas cachoeiras e misteriosas cavernas, como também possui um valioso patrimônio histórico tombado pelo IPHAN o  recém restaurado Casarão do Padre Taborda. Com escadas e pinturas internas originais, a construção marca o período colonial mineiro.
A Matriz de Santo Antônio também define bem a época do ouro no Brasil. Com seu altar revestido em ouro e pinturas do mestre Athayde em seu teto, é outra grande atração da cidade.

Fundada em 1.694 pelos bandeirantes paulistas, Itaverava originou-se através do ouro, onde o metal brotava da terra do então significado para índios tupi-guarani Ita(Pedra), verava(brilhante). Itaverava hoje conta com grande acervo histórico, mostrando o período áureo da época.

Terra de Marília de Dirceu e de tantos outros nomes famosos e de uma rica história, Itaverava hoje guarda em teu seio um monumento. Salve, salve Itaverava! És meu berço e minha terra bem amada.

Programação

Para comemorar a data, hoje às 19:00 horas , acontece uma missa de homenagem na Matriz de Santo Antônio. Às 20:00 horas, ocorre o resultado final do concurso fotográfico e logo após a câmara entrega honrarias e medalhas as pessoas que se destacaram e as que promoveram o desenvolvimento de Itaverava.

Veja o vídeo:

 

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *