Após fuga pela rodovia e tiros, advogada de Congonhas é presa com barra de cocaína

Uma advogada da cidade de Congonhas foi presa no início da madrugada desta quarta-feira (26/09) depois de ter sido denunciada anonimamente.
A denúncia informava que ela teria ido a Capital comprar entorpecentes para serem comercializados em Congonhas, sendo repassadas as características do veículo usado pela advogada para o seu deslocamento com a droga. Um esquema foi montado para monitorar o veículo, sendo ele identificado e acompanhado pelas viaturas da Polícia Militar envolvidas na apuração da denúncia.

​A condutora ao perceber que estava sendo acompanhada, seguiu direto pela BR-040 sentido a Conselheiro Lafaiete, tendo ela acessado a MG-030 sentido a Ouro Branco desobedecendo às ordens de parada sonoras das viaturas que faziam o seu acompanhamento. Durante o percurso a condutora desenvolveu altíssima velocidade colocando em riscos os demais usuários da via. Em dado momento, a passageira que estava no banco de trás dispensou uma mochila pela janela do veículo que seguiu em movimento. Na altura do trevo conhecido como Bengalão”, os militares conseguiram alvejar os pneus do veículo sessa interrompendo a fuga.

A bolsa dispensada próximo ao bairro Lobo Leite foi localizada e recolhida, dentro dela havia uma barra de cocaína que confirmou o teor da denúncia sobre o tráfico de drogas. Foram encontrados com a advogada, documentos pessoais de um elemento conhecido da polícia pelo seu envolvimento  com o tráfico de drogas.
A advogada, L. M. G. S, 39 anos, condutora do veículo e a sua passageira P. C. C, 33 anos, foram presas em flagrante delito e conduzidas ao plantão da 2ª DRPC em Conselheiro Lafaiete, onde ficaram a disposição da autoridade policial competente.

Fonte: AFX Notícias
Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *