Anjos de Patas: Gente que adota!

Gente que adota!

Hoje mostrando opiniões sobre o ato de adotar, Gente que adota.
Vamos, que está emocionante! Valeu galera, vocês são massa!

Bacana e eu.

“A grande verdade que toda adoção é um resgate, todos os meus cães chegaram dessa forma, como se o destino fosse de encontro. Bacana chegou assim, por mais que Os Babá Cão tenham sido os responsáveis por essa tutela, eu acredito que estávamos ligados de alguma forma. Sair de uma quarentena de eutanásia para ter uma segunda chance era tudo que ele precisava. Reabilitação seria sua proposta para seguir em frente. Eu não imaginava como seria, mas para quem pensava em ensinar, eu mais aprendi do que realmente ensinei. Ganhei um amigo Bacana, um gigante gentil e de bom coração, que carregava o peso de ser um Rottweiler, mas em sua essência era apenas um cachorro. Foram 13 meses de uma amizade sincera. Adotar um cão de 6 anos com um histórico triste de agressividade foi mesmo um resgate não só do cão mas dos seres humanos envolvidos. A lição que ele nos deixou foi que: com um pouco de fé podemos mudar o mundo, mas com fé e coragem podemos mudar o mundo dentro de nós.”

Breno Sousa

“Escolher adotar é mais do que comprar um animal. A partir desse momento está firmando o compromisso de apresentar praquele animal o lado bom do ser humano, a responsabilidade de mostrar a ele que conseguimos ser melhores que o abandono e o mau trato. Algumas vezes é necessário o dobro de paciência, afinal, todos aqueles que já sofreram sentem medo de sofrer novamente… Em contrapartida, só um animal resgatado é capaz de demonstrar tamanha gratidão àquele que o acolheu. Essa relação entre adotado e adotante é única, e acredito que todos aqueles capazes de se abrir verdadeiramente para essa experiência concordem que é uma via de mão dupla, onde escolhe-se a princípio salvar uma vida d’outro e têm-se como resposta um sentido muito mais puro a nossa própria vida.”

Jéssika Vieira

“Adotar é o ato de escolher amar!  

Escolher ter aquele serumaninho sempre ao seu lado! Ao ver meu Lindo Gatinho solto em um sítio distribuindo amor para todos que estavam lá, na hora percebi que ele precisava de amor também!  E desde aquele dia, não me imagino em casa sem ele me acompanhando e deitando em mim!

Ele me agradece com muito carinho e eu retribuo com todo o cuidado que ele merece e claro, muito carinho também!”

Samuel Vieira

 “Sobre a ideia de se adotar um cão. Acredito que “com grandes poderes vem grandes responsabilidades”, respeitar o que ele é e acreditar sempre que podemos ajudá-los a todo momento em qualquer circunstância!”

Marcos Douglas

Falando um pouco de adotar um animalzinho. Me chamo Laryssa e hoje tenho três animais adotados, um gato e dois cachorros, mas para mostrar como é bom adotar vou contar o caso da Kim, uma labradora com cerca de 5 anos.

O ato de adotar a princípio é um desafio, mas no final é gratificante e você ganha em troca amor e gratidão. Quando se pensa em adotar, geralmente focamos em filhotes (o que não é tão fácil de se achar) até mesmo pelo preconceito com animais adultos, mas o que posso garantir é que a adoção de um animal adulto é maravilhosa.

A Kim, nova integrante da família, além de adulta, possui deficiências e uma história de superação, ela foi abandonada, vítima de maus tratos e foi “atropelada”, encontrada no lixão, foi cuidada por anjos no CCZ. O receio ao adotar animais adultos realmente existe, com alguma deficiência, o receio é ainda maior, mas como dito, a recompensa é milhares de carinhos, abanação de rabo, alegrias e gratidão.

Com certeza adoção é um ato de amor, ganha o adotante e o adotado!!

Laryssa Miranda

 

Bem, acho que adotar é um ato de amor, né… Você acolher um animal e prezar pelo bem estar dele… Além disso, não tem sensação melhor na vida do que receber o amor desses bichinhos, um amor tão puro, que não exige absolutamente nada… Nada além do afeto…

Acho que é isso, sabe… Amor…

Aproveito pra reforçar que sou totalmente contra pessoas que compram. Não acho que amor é uma mercadoria, não acho justo tendo em vista os milhares de animais que se encontram na rua sofrendo. 

Acho que comprar é egoísta, é vaidoso (a maioria das pessoas tá em busca de “raça”) e espero de verdade que um dia isso acabe.

Torço por esse dia.

Aliás, a essas pessoas eu deixo um apelo: que visitem os canis, abrigos, de suas cidades e vejam um pouquinho do que, tanto os animais quanto as pessoas que lutam por eles, passam.

Bárbara Goulart

Aproximadamente 3 anos atrás comecei a cuidar desse vira lata na minha rua, colocando ração, água e em seguida uma casinha de madeira. Ele tinha um comportamento incomum, muito carinhoso e bagunceiro… Fiquei apaixonado por ele e sabia que ele tinha me escolhido como dono… então eu precisava adotá-lo. Como eu morava com meu pai em um apartamento, isso não foi possível de imediato… Um tempo depois aluguei uma casa com alguns amigos e consegui trazê-lo pra viver com a gente. Hoje olhando pra isso com um pouco mais de distanciamento consigo perceber que o Jorge foi um dos principais gatilhos para que eu tivesse a iniciativa de largar o conforto da casa dos pais e buscar uma vida independente arcando com meus próprios custos. Sou grato a ele e pelo seu comportamento tenho certeza que ele também é muito grato a mim. Ele traz muita alegria pra nossa casa! Com certeza vira lata adotado aprende um jeito especial de agradecer que ninguém consegue resistir! Meu conselho é: Não compre, adote!

Segue um videozinho que eu já fiz com essa mensagem:

Rodrigo Meireles

Ela chegou de surpresa na minha vida. De maneira nenhuma queria mais um cachorro. Já tinha 4, sendo que dois adotados. 

Numa manhã de domingo, aquela magrelinha chamou minha atenção. Faminta, desconfiada e cheia de bernes, entrou no meu carro sem a menor cerimônia. Se espalhou no banco e veio cochilando de Itaverava até a clínica onde ficou internada pra dar ordem de despejo aos parasitas.

Na volta pra minha casa, eu não contava com a reviravolta que mudaria a minha vida.

De repente, eu fiz uma troca.

Sai Bacana e entra Bonita.

Sem que eu percebesse, ela foi ficando e conquistou seu lugar.

Ainda desconfiada e esfomeada, mas carente de tudo.

É a caçulinha da casa.

Minha gordinha temperamental.

Obrigada por estar aqui.

Te amo muito, minha oncinha!

 Lindinha é uma celebridade! Chegou aqui em casa cheia de pulgas e carrapatos, mas quase sem pelos. Aos poucos conquistou o posto de rainha da casa. É carinhosa, super quietinha e faz sempre o social, quando recebemos visitas. 

Adora passear de carro e de um cobertorzinho.

Intelectual já publicou um livro e está terminando o outro. Quis mandar um recadinho pra essa coluna.

Com a palavra, Lindinha:

– Ei, tia Ully! Obrigada viu, por divulgar as ações de ajuda a animais de rua. Espero que um dia todos tenham o mesmo destino que eu. Uma casa, comidinha na hora certa e água fresquinha.

Lambeijos a todos!!!

 Cláudia Guimarães

“Eu morava em um bairro afastado e um dia a garagem ficou aberta, ele entrou! Era só um filhotinho, com poucos pelos arrepiados, parecia que tinha acabado de nascer. Não teve jeito, ficamos com ele. Esse ano ele completa 8 anos, faz parte da família!”

Fred Santos

Adotar um animal de rua é muito gratificante, perceber a melhora da saúde, autoestima e receber carinho em forma de agradecimento NÃO TEM PREÇO !
Sou contra a comercialização, o abandono e qualquer maus-tratos aos animais!
Adotar um animal de rua é livrar de todo o sofrimento, saber que nunca mais o animal sentirá frio, calor e fome.
Além de fazer uma boa ação é preciso ter consciência de não deixar o animal mais sofrer, e oferecer dignidade e respeito!
Por isso adote, e tenha consciência que uma vida não se compra!

 Luciana Fernandes

 Quando penso que o Max não estaria neste mundo hoje se eu não tivesse me enfiado no meio do mato atrás daquele bebê raquítico e arisco, meu coração se enche de amor e orgulho. Meu primogênito de uma matilha de quatro resgatados e adotados com muito carinho.

 Aquele grito de dor vindo da rua me fez pular da cama e sair pra rua do jeito que estava. Lá estava o pobrezinho do Minduim, assustado, escondido embaixo de um carro com a perninha quebrada. Tinha acabado de ser atropelado. Não pensei duas vezes, e levei aquele pequeno pra casa. Hoje é meu fiel escudeiro e travesseirinho de pelos. 

 Não consigo me imaginar comprando um cão… Tem um preço, não é? Mas o que não tem preço, é dar lar àqueles vira latinhas (ou não) que foram abandonados, nasceram nas ruas, sofreram nas mãos de humanos cruéis.

Adotar é tudo de bom. 

Paula Villas

 Adoções!

Auspedagem domiciliar Soninha Santiago
Amor e respeito aos animais

ONG APARC – Congonhas!
Seja um voluntário! Um colaborador!

 Siga o instagram da ONG: @aparcongonhasmg

Os Babá Cão – Especialista em comportamento animal

 Siga Os Babá Cão no instagram: @os_baba_cao

Sempre que puder, ajude um animal abandonado!

Dica de português!

Play Music
Um espaço dedicado à música!
Por mim, leitores, amantes da música, músicos, por todos nós!

 “Trechinhos…

 “Vamos viver e cantar.” Charlie Brow Jr.

“Reggae a vida com amor.” Ponto de equilíbrio
“Tudo nos é dado, só nos falta fé.” Mato seco

 Hoje vamos ouvir o lançamento Detesto despedidas, Lagum, e conhecer um pouco da banda.

Em especial, vamos compartilhar também a canção Fairy Tale, Shaman, ex-vocalista André Matos, compositor, maestro e pianista, uma das maiores vozes do Heavy Metal brasileiro, que faleceu no último sábado (08 de Junho de 2019).
Bora curtir essa sonzeira!

Lagum

Banda mineira formada em 2014, gênero Pop/ Alternativo, teve seu primeiro show em 06 de Junho de 2014.
Lançou seu primeiro álbum em Maio de 2016.

 Vamos ouvir algumas canções

 Telefone

Bem Melhor

Eu não valho nada

Deixa – ft. Ana Gabriela

Andar sozinho – ft. Jão

Biografia – trecho: “Quem quer que seja que esteja lendo esse texto, que escrevo enquanto tomo suco de limão no meu quarto, às 21:34 de uma terça-feira. Quero que saiba que é legal pra caramba fazer parte dessa banda, pelo fato de que são meus melhores amigos, pelo fato da gente poder compor de maneira descontraída e verdadeira, e pelo apoio que todo mundo vem dando até agora, proporcionando um crescimento muito saudável pra nossa banda. Valeu gente! Esperamos que amem o som.” Pedro – vocalista Lagum.

Integrantes Lagum

“No dia 6 de Junho de 2014 fizemos nosso primeiro show.
Tudo   que ganhamos naquela época foi investido pra gravar mais músicas, produzir clipes e bancar viagens.
Era nós por nós. Fomos construindo relações, conhecendo pessoas, pessoas foram nos conhecendo, e de apenas 5 adolescentes, construímos uma equipe gigante e unida. De pequenas produções passamos a ter apoio de grandes profissionais . E de shows em pequenas casas na nossa cidade, passamos a rodar pelo Brasil.
Hoje faz 5 anos que tudo começou.
E se você que tá lendo isso aqui tem um sonho, faz o que ama e acredita em você mesmo, cai pra dentro! Não se confunda com caminhos que parecem mais fáceis.
O futuro só pertence a nós.

Obrigado à todos os nossos apoiadores, fãs, famílias, equipe, contratantes e amigos. Tamo junto.” Publicação instagram da banda em 06 de Junho de 2019.

14 de Junho de 2019 – Lançamento álbum “Coisas da Geração”

De acordo com a agenda publicada pela banda, vai rolar show em Conselheiro Lafaiete em breve.

E ainda este ano, vão se apresentar em Portugal.

Site da banda: www.lagum.com.br

Instagram: @lagumoficial

Inscreva-se no canal: https://www.youtube.com/channel/UC5s8xoNsOtTXPDafVH3hkjw

Fonte: Site Lagum e instagram.

Agenda do Rock!
 Sujeito a alterações

Eventos!
 Sujeito a alterações

Vegetarianismo
Com Samyra Goulart.

O vegetarianismo tem ganhado cada vez mais espaço na mesa dos brasileiros. Esse movimento consiste em um regime alimentar que exclui a utilização de carne na preparação dos pratos, substituindo por outros alimentos tão quanto saborosos, saudáveis e sem crueldade animal. Ainda dentro desse conceito, há também o veganismo, que vai muito além da alimentação, sendo também um movimento social e político.

Ao contrário do que muitos pensam, os adeptos do vegetarianismo comem muito bem e de forma diversificada. Uma vez que a carne não está presente, são adotados outros alimentos que garantem sabor e nutrição adequados aos consumidores.

Uma dieta vegetariana é baseada em frutas, legumes, cereais, vegetais, oleaginosas, carboidratos e fibras. Mas ela também permite uma vasta cartela de opção para os amantes de doces, bolos, salgados, tortas e massas. A grande sacada é a substituição da carne, leite e derivados por alimentos de origem vegetal, como soja, grão-de-bico, leites vegetais (soja, coco, amêndoas, castanhas, arroz, etc), chia, palmito e até mesmo “carnes” vegetais, como a denominada carne de jaca.

 Espaço Cultura!

Com Cláudia Guimarães, escritora.

Não fale com estranhos, Harlan Coben.

Harlan Coben já vendeu mais de um milhão de livros no Brasil.  “Harlan Coben descreve a busca pela verdade com habilidade magistral, numa trama cheia de surpresas, entrelaçando histórias de diferentes personagens com suavidade e inteligência. Além de tudo, ainda consegue ser engraçado.” – New York Times Book Review  O estranho aparece do nada e, com poucas palavras, destrói o mundo de Adam Price. Sua identidade é desconhecida. Suas motivações são obscuras. Mas suas revelações são dolorosamente incontestáveis.  Adam levava uma “vida dos sonhos” ao lado da esposa, Corinne, e dos dois filhos. Quando o estranho o aborda para contar um segredo estarrecedor sobre sua esposa, ele percebe a fragilidade do sonho que construiu: teria sido tudo uma grande mentira?  Assombrado pela dúvida, Adam decide confrontar Corinne, e a imagem de perfeição que criou em torno dela começa a ruir. Ao investigar a história por conta própria, acaba se envolvendo num universo sombrio repleto de mentiras, chantagens e assassinatos. Intrigante e perturbador, Não fale com estranhos é mais que um suspense de tirar o fôlego. É uma reflexão sobre o bem e o mal, o amor e o ódio, o certo e o errado, os segredos, as mentiras e suas consequências devastadoras. **** “Esta é uma grande história, perfeita para as pessoas que gostam de refletir sobre a natureza efêmera dos laços que unem nossos sonhos à realidade.” – Library Journal “Este é um estranho que os leitores vão querer conhecer.” – Associated Press “Uma história muito bem contada, com um ritmo alucinante.” – Houston Chronicle “Coben é sempre capaz de gerar fortes emoções, mesmo com as histórias mais simples, porém suas tramas mais admiráveis conseguem manter o núcleo coerente apesar de todas as reviravoltas. Este livro está entre seus trabalhos mais poderosos.” – Kirkus “Não fale com estranhos não é apenas um grande suspense; é um romance incrivelmente bem-feito sobre a busca de um homem pela própria identidade.” – Providence Journal “Um suspense emocionante, cuja trama é completamente plausível e assustadora.” – Huffington Post “Um ótimo entretenimento.” – Publishers Weekly

Você encontra para empréstimo na biblioteca Casa de Guimarães.

Contatos pelo Facebook: https://www.facebook.com/Casa-de-Guimar%C3%A3es-580855678727390/

Conheça o blog Totó e Mimi: http://claudiaguimaraes49.blogspot.com

Por: Ully Daniely

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *