Agonia: lafaietenses e congonhenses continuam na lista de desaparecidos

Na noite deste domingo (27), a Defesa Civil  divulgou uma lista de pessoas ainda desaparecidas devido ao rompimento de barragem de rejeitos da Mina do Feijão, em Brumadinho, e também a relação das pessoas localizadas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o número de mortes registradas subiu para 58, enquanto que o número de desaparecidos é de 305. 192 pessoas foram resgatadas. Além disso, 19 dos 58 mortos foram identificados.

Jonatan, de Congohas, foi sepultado ontem

Pela lista divulgada pela Vale os 10 trabalhadores da região permanecem desaparecidos e agonia das famílias entra hoje pelo 3º dia.  Pedro Sena, o maquinista Anderson Luiz da Silva, Felipe José de Oliveira Almeida e Edson Rodrigues dos Santos são oriundo de Lafaiete. Em Congonhas: Josiane Santos, Edymayra  Coelho, Miramar Antônio, Rodney Oliveira, Luiz Carlos da Silva Reis e Wanderson  Oliveira Valeriano. Desde a tragédia, amigos e familiares usam as redes socais para buscar informações.

Hoje pela manhã foi sepultado Jonatas Limas Nascimento no cemitério em Congonhas. Ele tinha 36 anos e deixou dois filhos.

Facebooktwittergoogle_plusFacebooktwittergoogle_plus

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *